Paraíba - 15-10-2019 23:02:25

Início » Notícias » Policiais » Polícia acusados de assaltos a bancos na PB

Polícia acusados de assaltos a bancos na PB

O superintendente da Polícia Civil em Campina Grande, Luciano Soares, explicou a operação que prendeu seis pessoas acusadas de assaltos a bancos na região. O bando é acusado de assaltar o banco Santander na Universidade Estadual da Paraíba (UEPB) e um funcionário terceirizado da instituição de ensino também foi detido.

Foram presos três homens e três mulheres, uma sétima pessoa continua foragida.

De acordo com o superintendente, a Delegacia de Repressão a Crimes contra o Patrimônio vem focando neste tipo de modalidade. Em 1° de abril foi a última atuação do bando, o ataque ao Santander da UEPB. Nesta quarta-feira (24), munidos de mandados de busca e apreensão, foram encontrados dois fuzis AR-15, uma escopeta calibre 12 municiada, 400 gramas de maconha, coletes balísticos e dois veículos, um deles com restrição de roubo.

Entre os presos está um funcionário terceirizado da UEPB e com ele foi encontrada uma arma que foi roubada de um vigilante durante um assalto a um carro forte, uma das ações do grupo.

Um dos veículos encontrado, um fiat Toro, foi roubado no Rio Grande do Norte no dia 18 de junho e estava com uma placa clonada.

As investigações prosseguem e já há a identificação do integrante que está foragido. Ele já foi preso anteriormente no Rio Grande do Norte por roubo. O delegado destacou a interação de criminosos da Paraíba com criminosos do Rio Grande do Norte, porém destacou que essa modalidade é comum em vários estados, não só os que fazem divisa com a Paraíba. “À medida com que as investigações vão avançando em um estado, eles se evadem para outro estado. É um trabalho incessante das polícias”, disse

QR Code Business Card